segunda-feira, 30 de setembro de 2019

Os livros que já escrevi. Vou publicar outros.





Escrevi três.  Publiquei dois. Quero escrever um de poemas e um romance. Adoro contar histórias.  Sei que posso.
Através das palavras viajo por um mundo fantástico.  Assim como amo ler.
Vou me organizar mesmo. Preciso disso.
É minha meta e sobrevivência.
Vou produzir novos livros.
Cida Torneros 

Paixão


Amar alguém


Clementina de Jesus


Oração de dom Hélder sobre as armas


L'amor


Leila Pinheiro


Glória Pires e as outras Lolas


10 músicas francesas inesquecíveis


domingo, 29 de setembro de 2019

C'est si bon


O negócio é amar


Leila Pinheiro e Carlos Lyra


Peggy Lee


Dom Helder


Lembra de mim


Samba da bênção


Os 90 anos de Marlene


Dalida


Logo eu


13 dias na França


Love


Sozinha


Norah Jones


Sua estupidez


Discurso de Leonardo di Caprio sobre o clima


Você é real


O canto de Ossanha


Paulo Coelho entrevista falando sobre Bolsonaro


Quaresma de São Miguel quadragésimo dia!


Os bastidores do discurso de Bolsonaro na ONU


Marilyn Monroe cantando " meu coração pertence ao meu Pai"


Assistimos juntos, eu e meu pai Ulysses, várias vezes esse filme no vídeo cassete. Ela contacenava com o francês Yves Montand. O nome era Adorável Pecadora. A cena é das melhores.  Inesquecível.  Ela canta:  meu coração pertence ao meu pai!
Cida Torneros 

Incurável romântico


Acordem as guitarras que vai-se ouvir o fado!



Ouvindo Lenita Gentil em Lisboa
 2011

Quando o fado adentra pelos ouvidos e coração,   a alma portuguesa dá lição de peculiares sentimentos.
Ouvir o fado no bairro Alto, por exemplo,  no bairro Alto,  na casa Faya, interpretado por Lenita Gentil,  em 2011, foi encantador. Como o foi também ir à Tasca do Chico e testemunhar o fado vadio.
Em 2009, também fui ouvir o fado numa noite de maio.
Entretanto, tem um sabor especial quando posso escutar o Camané. Ele, que eu nunca assisti pessoalmente,  traduz pra mim o cantar que me lembra a Grande Amália.  
Que toquem as guitarras. Vamos ouvir o fado! 
Cida Torneros 

 



sábado, 28 de setembro de 2019

Que pena


Desculpe o aue!


Alcione, Maria Bethânia e Bateria da Mangueira | Lançamento Projeto Eu S...

surdez na conversa com Bial


Mariene De Castro - Guerreira (Ao Vivo)

Simonal documentário


Bob Fernandes


You are the first


São Miguel nos defendendo no bom combate!


sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Salve a criançada

http://blogdamulhernecessaria.blogspot.com/2010/05/filhos-e-netos-emprestados.html




Essa menina que vive em mim busca a infância solidária sempre!



Marlene e Luiz Gonzaga! Maravilhosos


Hey Jude


Presidente Bolsonaro não gosta de pobre?


Romaria


Padre Zezinho


Quaresma de São Miguel


quinta-feira, 26 de setembro de 2019

Utopia


Príncipe da Arábia Saudita em entrevista fala sobre a morte do jornalista Jamal Kashoggi


A morte brutal do jornalista Jamal Kashoggi, há um ano, foi reconhecida como um assassinato cometido " sob sua guarda" , pelo príncipe herdeiro da Arábia Saudita em entrevista concedida que irá ao ar nos dias próximos.  Um caso de barbárie em pleno século XXI, cuja explicação deve passar pelos meandros ditatoriais que matam a liberdade de imprensa sem o menor pudor. Até hoje, os restos mortais de Jamal não foram encontrados. Ele morreu dentro de uma embaixada. Entrou ali confiante no seu exercício de cidadania que se permitia viver e ainda crer no seu direito de denunciar através do jornalismo que limitava nos EUA, as atrocidades que investigava, prfissionalmente.
Morreu porque os poderosos se acharam acima da lei e agora o príncipe vem declarar, como se comemorasse um feito heróico,  que o fato aconteceu " sob sua guarda". Não sei se ele assume culpa, mas presumo que nem considere o crime hediondo. Não o conheço a não ser pelas reportagens que o expõem como um representante de um país riquíssimo em petróleo com um regime de governo que se impõe na base anti-democrática,  o que não é novidade na história da humanidade.
O inusitado é o príncipe escancarar para a imprensa mundial que tem sim algo a ver com a morte do jornalista mártir. 
Pobre mundo que assiste a esse episódio sonhando com liberdade de expressão. 
Que o Espírito de Jamal descanse em paz. 
Que o jovem príncipe esclareça tudo.
Que o universo conspira e haja justiça algum dia para esse assassinato cruel, com requintes de frieza absurda.
Que o Pai de Todos ofereça consolo para os familiares de Jamal e de todas as criaturas vítimas de injustiças e desigualdades.
Cida Torneros 
  






Adoro esse filme com o Michael Douglas


Michael Douglas faz 75 anos


Que mundo maravilhoso!


Cacique Raoni


Juntos, cantemos à glória de Deus, que comanda o universo!


Quaresma de São Miguel Arcanjo ! Día 37


terça-feira, 24 de setembro de 2019

Chegaste, és o amor dos meus 20 anos


Como demoraste
Mas aqui estás 
Vieste finalmente
Chega-te mais!
Assim,
Aperta-me no teu caloroso abraço 
Não repares se meu semblante 
É de felicidade desnuda.
Para ti um poema faço 
Com carinho antigo
Sem outras intenções 
Que não sejam
Matar saudades de nossa juventude 
Aquela em que nos encantamos
Quando sonhamos juntos
Com um futuro que veio atravessado...
Enfim, chegaste ao meu céu de cores 
És um dos meus grandes amores, 
Talvez sejas aquele maior de todos,
O inesquecível,  o dos 20 anos...
Cida Torneros 


O terço. Adoro rezar o terço!


Bolsonaro mentiu na ONU


Meu caro amigo!


Primavera de Vivaldi


35 dia da Quaresma de São Miguel


segunda-feira, 23 de setembro de 2019

Setembro de festas

Setembro começou com festa surpresa na minha casa pelos meus 70 anos em 2 de setembro. No dia 5, o niver da grande amiga Kátia.
 No dia 7 a Grande festa do casamento do filho da Vanderleia,  no dia 11 o aniversário da Dinha, no dia 13 meu irmão Paulo, no dia 20 niver da amiga irma Regina. 
No sabadão 21, a festa da Erika em Niterói,   no dia 23, o brinde pelo niver do meu sobrinho Pedro!
Muita Festa!
Cida Torneros 


 












Católicos preparem seus terços


Angela Maria Gente Humilde

Luiza Possi - Coração de Papel (Com Sérgio Reis)

O amor bate na aorta - Drica Moraes (Carlos Drummond de Andrade)

Kalu. Com Ângela Maria



Gaudi. Sagrada família em Barcelona


Elogios de Trump à Brigitte Macron


Quaresma de São Miguel arcanjo com Padre Pio


domingo, 22 de setembro de 2019

Padre Fábio com Bial


Josh Groban- You Raise Me Up(tradução)

Elis Regina - Cadeira Vazia

BRASEIRO | CADEIRA VAZIA | Centenário de Lupicínio Rodrigues

Teresa Cristina | "Loucura" (Lupicínio Rodrigues)

Kalu


GRETA

Andréa Beltrão - Papo sobre o Filme de Hebe Camargo - Conversa com Bial ...

Síndrome do Pensamento Acelerado - Por Augusto Cury

Viagem Astral de Shirley Maclaine

Dedicado à filha postiça Erika


Elza canta Compotamento Geral


Glória Pires fala sobre dona Lola; sua personagem em " Éramos seis"


sábado, 21 de setembro de 2019

Bacurau. Filme brasileiro que preciso assistir


Festa do niver da Erika em Niterói 21 de setembro de 2019


Na Comunicação Social da Prefeitura do Rio, no governo de Luiz Paulo Conde, veio estagiar conosco uma menina que trouxe especialmente a mim, a sensação de me reconhecer, através dela, nos tempos em que fui estagiária também lá pelo início dos anos 70. A empatia aconteceu rapidamente. Fui protegendo e orientando.  O pessoal do trabalho zoava  que eu a tinha adotado. Verdade,  Sua alegria de viver contagiava meu quase fim de carreira. Passamos a ser amigas. Ela passou a me chamar de " mummy". Fui algumas vezes no clube português de Niterói nas festas do seu aniversário que seu falecido pai organizava. Fiquei próxima da sua verdadeira mãe,  Graça,  a vida seguiu.  Depois seguimos rumos diversos. Ela se tornou a profissional que eu previa. Nos encontramos esporadicamente. Ocasiões como " o chope das meninas"por exemplo".
Depois,  com a fase difícil dos últimos anos de mamãe além da minha aposentadoria,  nossos contatos viraram coisa de internet apenas. 
Neste último sábado ela convidou para o Samba no bar de Icaraí no fim da tarde onde seu jeito Erikiano de ser misturou as tribos. Fui com Bernadette, sua conterrânea de Bom Jesus e Itaperuna.  
A festa foi uma mistura inusitada. Em pleno jogo do Flamengo, a gritaria e o samba  rolaram soltos.
Ela estava com a família e o namorado Robson. 
Ao me apresentar lembrava sempre: essa daqui foi que me levou ao teatro municipal pela primeira vez no camarote do Prefeito! Forma carinhosa de expressar aquele período em que a velha profissional queria abrir horizontes para a jovem que iniciava a carreira de jornalista.
Fiquei muito contente de sair de casa, na fase de crise de coluna em que me encontro, além da sofrida recente perda de mamãe,  pois a energia da festa da Erika, seu carinho, seu círculo de familiares e amigos me dão a dimensão do quanto é lindo viver e conviver.
Pelas fotos, dá pra sentir o clima de alegria. 
A vida me premiou com essa filha postiça da qual tenho o maior orgulho. Já temos muitas histórias pra contar trabalho, viagem com o grupo a Visconde de Mauá,  chopes em diferentes ocasiões,  bloco de Carnaval "Imprensa que eu gamo" e outras coisitas mais. 
A sobrinha do namorado dela, Milena, de 8 anos, conversou muito comigo. Parecia que eu tinha encontrado a própria Branca de Neve". Assim, viva o talento da Erika para reunir gente dos 8 aos 80 na muvuca de um bar com samba em pleno jogo do Flamengo, no final da tarde de um sábado de setembro em Niterói,  sob o melhor clima de amizade e carinho entre as pessoas que naturalmente amam a Erika como Eu!
Cida Torneros 











No bloco Imprensa que eu gamo!



Estão voltando as flores. Primavera chegando




Simone Tebet. A melhor senadora da República atualmente.


SIMONE FOI ELEITA DIA  19 DE SETEMBRO MELHOR SENADORA! 






Projeto Barão do Rio Branco para a Amazonia: governo Bolsonaro quer a exploração de riquezas. Nada de preservação. Para ele e seu grupo vale aniquilar indígenas e quilombolas!


quinta-feira, 19 de setembro de 2019

Que diferença faz um dia

Vida é trabalho

Encontrando Forrester e o Amor

Com Frida

Sonhando

Não ao machismo

Momentos café ou vinho

For my love !

Presente que ganhei no dia em que a Tunísia se lembrou do sonho da Primavera Árabe




Estamos em 2019. É setembro, mês do meu aniversário,  acabo de completar 70, daqui a pouco começa a primavera no hemisfério Sul. Ben Ali morreu hoje, era o terrível ditador cuja queda deu origem ao que se chamou Primavera Árabe,  em 2010.

Nesses 9 anos, o mundo árabe,  europeu, africano, americano, seja do Norte, Central ou do Sul, assim como a Ásia e todo o Oriente, tem passado por rigorosos verões ou intensos invernos climáticos e emocionais, mediados por outonos de tentativas de acordos políticos ou comerciais, mas as tais flores  primaveris parecem perder cores, enquanto os povos se desentendem e os criminosos se aperfeiçoam.

Se isso é demais para nossas cabeças,  há por exemplo o presente ameno que ganhei de minha amiga Vanderleia:  o livro do psiquiatra Augusto Cury intitulado " ansiedade, como enfrentar o mal do século".

Comecei a ler. Estou gostando muito.  Já destaco o último parágrafo do prefácio assinado pelo autor:
" O dinheiro compra bajuladores, mas não amigos; compra a cama, mas não o sono; compra pacotes turísticos,  mas não a alegria; compra todo e qualquer tipo de produto, mas não uma mente livre; compra seguros, mas não o seguro emocional. Numa existência brevíssima e complexa como a nossa, conquistar uma mente livre e ter seguro emocional faz toda a diferença..."
Pois o livro trata sobre a síndrome do pensamento acelerado, mal que nos atinge a todos, queiramos ou não,  massacrados por excesso de informação,  nem sempre verdadeira, motivando uma humanidade adoecida coletivamente.

Esse presente é minha Primavera, hoje, aqui e agora.

Saúdo o povo da Tunísia por se livrar de um monstro, embora tenha que conviver com marcas.  Sei que grande parcela dos seres humanos ainda enfrenta mesmo seus sonhos de primaveras verdadeiramente livres de tantas flores mortais.

Saúdo o meu povo brasileiro porque na próxima semana, ao chegar a nossa Primavera, torço que ela nos traga de volta a esperança.
Cida Torneros

Com a palavra: Marieta Severo


Quaresma de São Miguel dia 31


Pavarotti maravilhoso


Como será o discurso de Bolsonaro na ONU?


Bacurau


LEMBRANÇAS
















Maria Bethânia, Zeca Pagodinho - Sonho Meu

Adoniran Barbosa e Elis Regina 1978 (completo)

Vinicius De Moraes, Maria Bethânia & Toquinho • EN LA FUSA | Mar Del Pla...

Ângela Maria


Lara Fabian


Je t'aime


Onde Deus possa me ouvir


quarta-feira, 18 de setembro de 2019

Hoje é o trigésimo dia da Quaresma de São Miguel


Filminhos






Pena. Peñita. Pena.


Tiê-Alguém me avisou-Sonho meu - Paula Lima e Dona Ivone Lara

Carlos Bolsonaro chama eleitores do seu pai de 'gado' . o vereador CARLOS BOLSONARO É ATREVIDO E DESRESPEITOSO. MERECE INVESTIGAÇÃO SÉRIA, INCLUINDO AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA. SEUS POSTS SE ANALISADOS, DENOTAM MENTE DOENTIA E CARÁTER DUVIDOSO.

Carlos Bolsonaro chama eleitores do seu pai de 'gado': Vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) usou as redes sociais para chamar os eleitores e apoiadores do governo Jair Bolsonaro de “gado”. “Obrigado pela confiança no Presidente, ‘gado’!”, postou no Twitter

TERRA (CAETANO VELOSO).wmv

Trigésimo dia da Quaresma de São Miguel


Barbra e Bocelli


Quaresma de São Miguel 29 dia


terça-feira, 17 de setembro de 2019

Elton Jonh


De repente, fez-se a Luz!



Tenho pensado muito no quanto este mundo anda escurecido, reprisado,  injusto e odiento.
Entretanto,  por viver grave crise de saúde,  com a minha acentuada escoliose dorso lombar, que me entorta desde os 13 anos,  meu tempo tem sido gasto com fisioterapia e exames, consultas médicas,  enfrentamento de dores, uso de medicamentos fortes e instantes de desespero que amenizo com oração. 
Sempre que travo não conseguindo caminhar,  uso ou cadeira de rodas ou bengala mas agradeço por saber que podia ser pior. Consigo ler, acompanhar noticiário,  fui até a uma festa de casamento logo depois de chamar o farmacêutico para me aplicar uma injeção que me brindou por algumas horas. Pude aproveitar a festa. Não pude dançar mas me coube aplaudir.
Agora, dias após ser examinada está semana por 3 médicos,  preparo- me para uma maratona de intensos tratamentos. 
Fez-Se a luz. Sei que aos 70 vou melhorar. Vou recuperar movimentos físicos e emocionais. Nada a lamentar.  Só tenho a agradecer. Posso me dedicar ao tal corpo torto e me libertar da idéia de que essas dores crônicas não me darão trégua.
Com certeza eu as afasto quando consigo. Creio no bem que me busca pelo prazer de amar a vida e tantas pessoas.
Quero ir noutra festa. O aniversário da minha filha postiça Erika, no próximo sábado.  Blindando a dor, vivenciando o amor, encontrando amigas, ouvindo samba, atravessando a ponte.
Aliás,  o melhor mesmo é fazer a travessia no tempo em direção à Luz.
Sigo me cuidando física e mentalmente,  para cuidar dos meus seres amados, familiares e amigos.
Eles são o portal de entrada para a iluminação da minha existência.
Por isso, meu sorriso é mesmo de imenso agradecimento.
Cida Torneros

Ciro Gomes


Filho Carlos reproduz o que o pai presidente pensa? Ditadura? Mais uma facada?


Brincar de viver - Maria Bethânia

Entrevista com a ecosocialista Sabrina Fernandes na Globo News

Vivendo a vida


Encontro no Céu: Jair Rodrigues e Roberto Leal


Jornalista exdefensor de Moro explica porque se arrependeu


Eu amo os livros






Acreditar ( eu não! )


As graças de São Francisco


sexta-feira, 13 de setembro de 2019

Vivere


Tá combinado


La Habana


Veinte años


Éramos seis


Quaresma de São Miguel


A divina sabedoria da irmandade e do Amor



Hoje meu único irmão Paulo Roberto,  faz 68 anos. Ele e sua esposa Alcina são meus  grandes companheiros de vida. 

Ontem, cantamos parabéns achando que não ia vê-los nesta sexta porque vão passar o fim de semana fora.  Mas estão indo depois do almoço . Por isso fui almoçar com eles.
Na madrugada, tive uma crise alérgica, tossi muito e peguei um livro qualquer para me distrair porque não conseguia dormir.

Por acaso (?)  livro que reli em parte, eu acho que ganhei da jornalista Rosana Mello há uns 20 anos. Sobre as terapias das vidas passadas de autoria do psiquiatra Brian Weiss. 

Os trechos que reli chamam atenção sobre irmandade e amor. 
Mesmo ansiosa, me preparando  para fazer nebulizaçao , pude agradecer à divina sabedoria dos Mestres.

O amor por nossos irmãos biológicos ou não,  ultrapassa cada vida. É eterno!
Cida Torneros